Exposição evocativa de Manuel José de Oliveira

 

Exposição evocativa de Manuel José de Oliveira


 

Biblioteca Municipal de Ponte de Lima, de 5 de janeiro a 31 de maio de 2018

 

O Município de Ponte de Lima vai assinalar o primeiro centenário da morte de Manuel José de Oliveira com uma exposição evocativa da vida e obra do médico e político republicano que consagrou parte significativa do seu trabalho a Ponte de Lima, ao património material e imaterial do concelho e às suas gentes.

Intitulada “Manuel José de Oliveira: limianista e republicano”, a mostra biobibliográfica de tributo, patente ao público na varanda interior da Biblioteca Municipal de Ponte de Lima, de 5 de janeiro a 31 de maio de 2018, congregará 13 painéis com o enquadramento histórico-cultural da época em que se movimentou e o essencial do percurso do clínico vila-verdense – que também exerceu os cargos de deputado, senador e governador civil do Porto – e possibilitará aos visitantes o contacto com fotografias, documentação e objetos inéditos.

À inauguração da exposição, agendada para a próxima sexta-feira, 5 de janeiro, pelas 18h00, seguir-se-á a palestra “Medicina e cultura em Portugal: o caso do Dr. Manuel José de Oliveira (1877-1918)”, orientada por Armando Malheiro da Silva, professor associado da Faculdade de Letras da Universidade do Porto.

Associe-se às comemorações dos 100 anos da morte de Manuel José de Oliveira, assista à sessão de tributo e visite a exposição que preparámos para si!

Fonte: Município de Ponte de Lima

 

Ponte de Lima no Mapa

Ponte de Lima é uma vila histórica do Norte de Portugal, mais antiga que a própria nacionalidade portuguesa. Foi fundada por Carta de Foral de 4 de Março de 1125, outorgada pela Rainha D. Teresa, que fez Vila o então Lugar de Ponte, localizado na margem esquerda do Rio Lima, junto à ponte construída pelos Romanos no século I, no tempo do Imperador Augusto. Segundo o Historiador António Matos Reis, o nascimento de Ponte de Lima está intimamente ligado ao nascimento de Portugal, inserindo-se nos planos de autonomia do Condado Portucalense prosseguidos por D. Teresa, através da criação de novos municípios. Herdeira e continuadora de um rico passado histórico, Ponte de Lima orgulha-se de possuir um valioso património histórico-cultural, que este portal se propõe promover e divulgar.

Sugestões